Faça seu login
Ajuda · Novo usuário? Registre-se
home diario de bordo biografia dvds fotos videos downloads agenda forum imprensa
 
Home > Diário de Bordo
 

A QUESTÃO DAS BIOGRAFIAS E O GAP

14/10/2013 · 11:31  · 3 comentários

Diante do destaque e das reações exaltadas que a questão das biografias vem tendo na imprensa e nas redes sociais o GAP - Grupo de Ação Parlamentar Pró-Música -, de que faço parte, resolveu se manifestar publicamente em bloco depois de alguns dias de discussão interna para criar um consenso.

Aqui vai o texto publicado na nossa página

O GAP se posiciona sobre Biografias

14 de outubro de 2013 às 07:34

O GAP (Grupo de Ação Parlamentar Pró-Música) esclarece que é a favor da liberdade de expressão e contrário à necessidade de autorização para biografias e à obrigatoriedade de pagamento aos biografados. Ao mesmo tempo, o GAP manifesta sua solidariedade aos integrantes do Procure Saber que receberam ataques, muitas vezes de cunho pessoal, desnecessários para a discussão pública do assunto.

O tema é relevante e o debate a seu respeito tem sido muito produtivo. Já se pronunciaram, em vários sentidos, diversos biógrafos, editores, artistas e jornalistas, e a maioria das contribuições lançou luzes sobre esse assunto tão complexo.

Outros, porém, optaram por desqualificar pessoalmente quem pensa de outro modo e ousa não ser tão cheio de certezas. Opinião não é ofensa, e o debate deve ser sempre sobre ideias. É possível ter um pensamento diferente sobre determinado assunto e seguir respeitando as opiniões – e as pessoas.

O GAP parabeniza todos aqueles que ingressaram no debate de modo respeitoso, e cumprimenta seus amigos do Procure Saber pela coragem costumeira no posicionamento público – ainda que, nesse caso específico, as opiniões dos dois grupos não coincidam em sua totalidade.

O impulso que o tema ganhou nos últimos dias é muito oportuno. Este é um bom momento para discutirmos se as salvaguardas que a lei brasileira dispõe para a defesa da privacidade são adequadas.

Também é fundamental debater se as indenizações por dano moral vêm cumprindo seu papel, e ainda como obter maior homogeneidade no exame dos fatores que devem ser considerados para uma eventual condenação e para sua quantificação. São necessárias, ainda, novas regras para o direito de resposta.

No mais, parece-nos que o Brasil poderia se beneficiar muito de um modelo autorregulatório que consolide melhores práticas para os setores editorial e jornalístico, inclusive com a criação de canais e foros mais efetivos para denúncias e avaliação de condutas, além da necessária atuação do Poder Judiciário. Esta combinação tem rendido bons frutos no campo da publicidade.

Este é, para nós, o melhor caminho – a aproximação das partes interessadas, e não o enfrentamento. E esse é o nosso entendimento, após saudáveis debates internos, sem prejuízo das sutilezas das opiniões pessoais de cada um de nós.
 
Tags para este post gap  | biografias  | procure-saber
 

Já é um país que produz poucas biografias, seja de líderes, seja de personalidades artísticas, imagina se amarra a coisa?!
Não li o livro do Roberto Carlos e não entendo o que foi exatamente que o fez lutar pela proibição da sua comercialização. Acho que todo "famoso" é suscetível a fofocas e maldades. É o avião do filho do presidente, é o candidato que cheira pó, enfim, mas ainda assim, o risco maior é de quem conta mentira. Por isso, acho que exagero a posição do Procure Saber. Se o autor escrever de maneira irresponsável, ele terá que responder na Justiça e aí certamente será pior pra ele.

www.pepedonato.blogspot.com Guanambi (BA) · 14/10/2013 17:55

Perfeito!!!
"Opinião não é ofensa, e o debate deve ser sempre sobre ideias."

Cássia Ribeiro Salvador (BA) · 25/10/2013 13:07

De um lado os artistas, centro natural das atenções, tentando proteger um pouco sua privacidade. De outro, escritores sérios e responsáveis e outros nem tão sérios assim, alguns produzindo literatura de qualidade, muitos produzindo simples fofocas. No meio disso tudo um país com uma das justiças mais ineficientes, morosas e, por que não dizer, corruptas do mundo. Uma equação difícil de resolver.

Walter Ribeiro Salvador (BA) · 10/11/2013 20:34

 
Adicione seu comentário  
Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Site Leoni, e adicione seus comentários em seguida.
 
 
   
Shows Assine o Feed: Shows
Dicas Assine o Feed: Dicas
Outras conversas Assine o Feed: Outras conversas
Campanhas Assine o Feed: Campanhas
Novidades Assine o Feed: Novidades
Entrevistas Assine o Feed: Entrevistas
Meio-ambiente Assine o Feed: Meio-ambiente
Concursos Assine o Feed: Concursos
Música Relevante Assine o Feed: Música Relevante
Dicas de Sobrevivência do Músico no Mundo Digital Assine o Feed: Dicas de Sobrevivência do Músico no Mundo Digital
No Estúdio Assine o Feed: No Estúdio
Concursos Assine o Feed: Concursos
A Noite Perfeita Ao Vivo Assine o Feed: A Noite Perfeita Ao Vivo
Parcerias Assine o Feed: Parcerias
Letra, Música e Outras Conversas Assine o Feed: Letra, Música e Outras Conversas
Notícias de Mim Assine o Feed: Notícias de Mim
Multiversos Assine o Feed: Multiversos


desenvolvido por